Mais um Russo dentro, menos anuncios ao Viagra

No Globo:

O volume de mensagens eletrônicas oferecendo promoções do Viagra e outros spams diminuiu no mundo em cerca de um quarto após uma operação policial na Rússia, nesta quarta-feira. Considerando-se que na Internet circulam aproximadamente 200 milhões desse tipo de mensagem diariamente, a estimativa é de que 50 milhões delas deixaram de circular. Num dia normal, os spams representam cerca de 90% de todo o tráfego de e-mails.

in Spams caem em um quarto no mundo com ação policial na Rússia.

São números impressionantes. Uma das causas mais importantes para a disseminação de malware, é a necessidade que estas redes têm de recrutar computadores que transmitam os anúncios. De recrutá-los e agrupá-los em redes de zombies (botnets). A eliminação de um destes promotores contribui para reduzir a infestação. Parcialmente e durante algum tempo, pelo menos. Uma boa notícia.