Hacker Culture(s)

Por Jonas Löwgren. Um texto já com 10 anos mas perfeitamente actual. A ler com aquele espírito de get to know your enemy (ou, em alguns casos, get to know thyself). Por aqui: Hacker Culture(s).

Post-Scriptum: Lembrei-me agora que o texto faz referência a um livro que, para mim e para muitos outros, é um livro de culto. E como hoje, na mailing list dos ISPP, o tema da bibliografia veio à baila, não quero deixar passar esta referência: Gödel, Escher, Bach. An eternal golden braid, por Douglas Hofstadter. Não tem nada sobre segurança; mas é absolutamente mind-opening.