Fotocopiadoras: Outro problema para a segurança?

Na sequência de um alerta do Ralf Braga, que deu origem a um debate no LinkedIn, pensei afixar por aqui esta questão. Numa reportagem CBS:

Num armazém em New Jersey, 6.000 fotocopiadoras usadas estão guardadas e prontas para serem vendidas. Armen Keteyian, correspondente para a CBS News, relata-nos que quase todas contêm um segredo: Quase todas as fotocopiadoras construídas desde 2002 contêm um disco rígido — tal como o que têm no vosso computador pessoal — que guarda uma imagem de cada documento que é copiado, ou enviado por correio electrónico pelo equipamento. No meio deste processo, transformou-se uma simples ferramenta de escritório numa bomba-relógio digital, que pode conter dados pessoais e informação sensível. Se o seu negócio for o roubo de identidades, isto mais parece um pote de ouro.

in Digital photocopiers loaded with secrets, cujo vídeo associado está disponível no YouTube.

Dá-nos o que pensar, não dá? Se calhar vale a pena incluir estes gadgets nas secções das políticas de segurança que abordam o tema da destruição de dados. Nas políticas de segurança e nos processos instituídos, bem entendido. Food for thought.