A propósito da proposição de valor da segurança...

... que foi um dos vectores abordados na última reunião da Confraria, encontrei um artigo já muito antigo, na CSO, que endereça precisamente este tema. Tem por mote:

Se vais vender segurança ao teu Chief Financial Officer — e a outros na organização — é bom que saibas o que é importante para eles.

in Security's Value Proposition.

Bate mesmo na mouche. Nas diversas mouches, em abono do rigor. Ninguém compra segurança a menos que tenha motivações muito fortes... e aquela coisa da segurança como um enabler, bem, tem muito que se lhe diga. É mais fácil vender segurança ao contrário, e nem sequer é um argumento falacioso. De facto, tal como as coisas estão hoje em dia, well, beware the wolves! ; )