Kaspersky lab: o modelo económico das botnets

Yury Namestnikov, um analista da Kaspersky lab, escreveu um artigo em que descreve o modelo económico por detrás das botnets. Segundo o autor, o rendimento proveniente das botnets pode ser realizado através de, por exemplo:

  • Ataques de negação de serviço (DDoS);
  • Roubo de informação confidencial;
  • Envio de correio electrónico não-solicitado (spam);
  • Ataques aos clientes de instituições financeiras (phishing);
  • Manipulação de pagerank em motores de pesquisa (spamdexing);
  • Acesso massivo a publicidade num site para aumentar as receitas (click fraud); e
  • Distribuição de malware e adware.

O artigo caracteriza brevemente estas actividades, estima o seu retorno financeiro, e apresenta uma conclusão que é, de facto, a única conclusão possível:

Without help from users, combating botnets cannot be effective. It is home computers that make up the lion’s share of the enormous army of bots. Neglecting to stick to simple security rules, such as using antivirus software, using strong account passwords and disabling the AutoPlay feature for removable media, can result in your computer becoming another botnet member, providing cybercriminals with your data and resources. Why help cybercriminals?

Why, indeed?... Com os cumprimentos da Kaspersky lab, The economics of Botnets.